Novas tecnologias construtivas para fazer bonito em sua obra!
16 de julho de 2020 Novas tecnologias construtivas para fazer bonito em sua obra! Nenhuma área está passando despercebida pelos avanços, a prova disso são as novas tecnologias construtivas que vieram mostrar métodos diferentes para levantar uma edificação, bem como fazer seus acabamentos. O setor da construção civil está em constante evolução, é o que mais gera emprego não só no Brasil, mas em diversas partes do mundo. Ainda assim, é um desafio para os gestores aumentar a produtividade no canteiro de obras. Mediante a isso, muitos processos construtivos estão sendo modificados, o objetivo é ganhar produtividade, sem depender tanto da mão de obra para determinadas etapas.  

Quais são as novas tecnologias construtivas?

Novas tecnologias construtivas   Muita coisa já está mudando nesse setor, a estimativa é que daqui a alguns anos, muitas novidades sejam lançadas. Ou seja, muita coisa nesse setor vai mudar, para melhor. Algumas dessas inovações já estão no mercado. Confira!  

Steel Frame

Novas tecnologias construtivas   Esse método de construção usa perfis de aço galvanizado para suportar o peso da edificação.  Ele veio para mostrar que a sustentabilidade não é apenas uma modinha passageira, pois o seu foco é justamente racionalizar o uso de materiais. No Steel Frame a geração de resíduos é mínima, portanto, é um estilo aliado ao meio ambiente e também, grande potencializador da economia na obra. Essa nova tecnologia construtiva exige profissionais especializados, portanto, a mão de obra pode ser um pouco mais cara. Porém no final, tende a valer muito a pena, pois o tempo de construção diminui bastante quando comparado a outros métodos.  

Bioconcreto

Novas tecnologias construtivas   Ainda falando em sustentabilidade, o bioconcreto entra em ação como um " concreto auto regenerativo" devido a combinação de bactérias e outros nutrientes que são misturados com a argamassa. Esse inovação foi desenvolvido por pesquisadores Holandeses, como objetivo de causar uma verdadeira revolução na forma de construir. Afinal, a inspiração vem da natureza. Além desse cuidado que envolve a sustentabilidade está envolvido, o bioconcreto se regenera quando a água das chuvas penetra nas fissuras, diferentemente do concreto tradicional, que racha reduzindo o tempo de vida das edificações. Além disso, o bioconcreto é uma solução mais econômica, outro grande diferencial dessa invenção.  

Fibra de Carbono

Novas tecnologias construtivas   Essa é uma fibra sintética composta por filamentos constituídos de carbono e outros elementos importantes para a sua sustentação resultando em um produto muito leve e extremamente forte que substitui o ferro. Considerada uma das novas tecnologias construtivas, a fibra de carbono é mais fina do que fio de cabelo, inclusive usada também para fabricação de peças de veículos, aviões e bicicletas. Seu uso é ideal para reforçar as estruturas de construções que já existem, sua aplicação é extremamente rápida. Além disso, a fibra de carbono é resistente a corrosão, sendo uma opção mais durável do que o aço.  

Contrapiso autonivelante

Novas tecnologias construtivas   Caracterizada como uma massa niveladora de piso bastante fluída e que confere excelente aderência com apenas uma camada. Desse modo, outras etapas do processo usadas nesse serviço são puladas. A fase do assentamento é bastante trabalhosa, mas com essa argamassa especial tudo ficou mais fácil . O contrapiso autonivelante contém um aditivo plastificante que extingue o serviço de nivelamento. O produto é mais caro, no entanto, a economia gerada vem do menor tempo de serviço e a necessidade de um número inferior de profissionais para a mão de obra.  

Pré moldados

Novas tecnologias construtivas   Entre as novas tecnologias construtivas não dá para deixar de mencionar os pré moldados. São estruturas como vigas, lajes e pilares,  são moldados e conseguem uma certa resistência antes mesmo do seu posicionamento na construção. Esse conjunto de peças é pré fabricado e pode ser moldado no canteiro de obras de uma maneira fácil e rápida para atender as necessidades de cada projeto em específico. Usando esse método, a construção fica mais limpa e ocorre a redução de mão de obra e custos. Em síntese, todas essas novas tecnologias construtivas devem ser analisadas pelo engenheiro e arquiteto, afinal, cada construção possui particularidades específicas. Por isso, somente um bom planejamento pode definir qual é a melhor alternativa.   Gostou do conteúdo? Confira também: Concreto armado vs. alvenaria estrutural: Saiba mais sobre essas soluções  
Postado pelo Construtora JV
O quanto este conteúdo foi útil para você

0 / 5. 0


Mostrar posts:

Siga nosso Instagram

Esta mensagem de erro é visível apenas para administradores do WordPress

Erro: nenhum feed encontrado.

Vá para a página de configurações do Instagram Feed para criar um feed.

Artigos relacionados
Itens para colocar no orçamento ao construir uma obra do zero
12, junho, 2020 Itens para colocar no orçamento ao construir uma obra do ... Construir uma obra do zero pode custar caro ou não, vai depender muito do planejamento em todas as e...

leia mais

O que incluir na obra para tornar a casa mais sustentável?
12, agosto, 2020 O que incluir na obra para tornar a casa mais sustentável? Nunca se falou tanto em casa sustentável como nos últimos anos, mas acredite, isso não se trata de u...

leia mais

Como elaborar um projeto para construção de sua casa?
18, junho, 2020 Como elaborar um projeto para construção de sua casa? O projeto para construção é geralmente realizado por profissionais especializados, afinal, essa é um...

leia mais